O Comitê RN
 Atividades
 Linha do Tempo
 ABC Reprimidos
 ABC Repressores
 Comissões IPMs
 BNM Digital no RN
 Coleção Repressão
 Coleção Memória
 Mortos Desaparecidos
 Repressão no RN
 Acervos Militantes
 Bibliografia RN
 RN: Nunca Mais
 Áudios
 Videos
 Galerias
 Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Banco de Dados
 Rede Brasil DH
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Rede Mercosul
 Rede Lusófona
 Rede Cabo Verde
 Rede Guiné-Bissau
 Rede Moçambique

Comitê Estadual pela Verdade, Memória e Justiça RN
Centro de Direitos Humanos e Memória Popular CDHMP
Rua Vigário Bartolomeu, 635 Salas 606 e 607 Centro
CEP 59.025-904 Natal RN
84 3211.5428
enviardados@gmail.com

Envie-nos dados e informações:
DHnet Email Facebook Twitter Skype: direitoshumanos

 

Comissões da Verdade Brasil | Comissões da Verdade Mundo
Comitê de Verdade Estados | Comitê da Verdade RN

Inicial | Reprimidos RN | Mortos Desaparecidos Políticos RN | Repressores RN

Militantes Reprimidos no Rio Grande do Norte
Raimundo Ubirajara de Macedo

Livros e Publicações

... e lá fora se falava em liberdade
Ubirajara Macedo, Sebo Vermelho 2001

Apresentação

O dia sete de abril começou mal para este autor. Já não bastava que, há sete dias, o Brasil havia entrado no inferno de uma ditadura fascista (que perdurou por mais de vinte anos). Com dizia, começara mal o dia sete. Isto porque, às 10 horas, era preso junto com outros companheiros dos Correios e Telégrafos e conduzido por soldados armados para o quartel do 16 RI, ponde permaneci preso por onzes meses, de onde apenas saí com a proteção de São José, justamente no seu dia, 19, de março de 1965.

Pensativo diante da nova realidade de um homem livre (assim supunha) e que, de repente se via junto às grades, vendo o sol nascer quadrado com nuances diversas e futuro incerto, comecei a ouvir vozes, vindas de alto-falantes postados na Avenida Hermes da Fonseca, em frente à cela onde eu estava. Atentem para o que diziam: “Venham todos hoje, às 16 horas, em frente à Catedral, para agradecer a Deus por ter-nos livrados do comunismo e nos dado a liberdade” Então disse para mim mesmo: “Que contradição... eu aqui preso, o povo brasileiro debaixo de uma ditadura fascista, sofrendo horrores e estes homens falando em liberdade. Liberdade de que? Daí o título deste trabalho, que conta algo daqueles dias, que espero ardentemente não voltem mais.

Então, com vocês “E lá fora se falava em liberdade”.

^ Subir

< Voltar

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055 84 3211.5428 e 9977.8702 WhatsApp
Skype:direitoshumanos Email: enviardados@gmail.com Facebook: DHnetDh
Google
Notícias de Direitos Humanos
Loja DHnet
DHnet 18 anos - 1995-2013
Linha do Tempo
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Sistema Nacional de Direitos Humanos
Sistemas Estaduais de Direitos Humanos
Sistemas Municipais de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
MNDH
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Banco de Dados  Base de Dados Direitos Humanos
Tecido Cultural Ponto de Cultura Rio Grande do Norte
1935 Multimídia Memória Histórica Potiguar
Comitês de Educação em Direitos Humanos Estaduais