O Comitê RN
 Atividades
 Linha do Tempo
 ABC Reprimidos
 ABC Repressores
 Comissões IPMs
 BNM Digital no RN
 Coleção Repressão
 Coleção Memória
 Mortos Desaparecidos
 Repressão no RN
 Acervos Militantes
 Bibliografia RN
 RN: Nunca Mais
 Áudios
 Videos
 Galerias
 Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Banco de Dados
 Rede Brasil DH
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Rede Mercosul
 Rede Lusófona
 Rede Cabo Verde
 Rede Guiné-Bissau
 Rede Moçambique

Comitê Estadual pela Verdade, Memória e Justiça RN
Centro de Direitos Humanos e Memória Popular CDHMP
Rua Vigário Bartolomeu, 635 Salas 606 e 607 Centro
CEP 59.025-904 Natal RN
84 3211.5428
enviardados@gmail.com

Envie-nos dados e informações:
DHnet Email Facebook Twitter Skype: direitoshumanos

 

Comissões da Verdade Brasil | Comissões da Verdade Mundo
Comitê de Verdade Estados | Comitê da Verdade RN

Inicial | Reprimidos RN | Mortos Desaparecidos Políticos RN | Repressores RN

Militantes Reprimidos no Rio Grande do Norte
Raimundo Ubirajara de Macedo

Livros e Publicações

... e lá fora se falava em liberdade
Ubirajara Macedo, Sebo Vermelho 2001

Os acadêmicos

José Arruda Fialho, Josemá Azevedo, Francisco Ginani, Geniberto Campos e Evlin Medeiros representam várias tendências do movimento de apoio às reformas de base. Todos agregados a organizações sindicais e estudantis, pessoas de boa formação e patriotas convictos, foram, na sua maioria, vítimas dos “dedos-duros” na própria Universidade.

Fialho, também adepto da boa música, cantava belas canções, dotado que é de boa voz e muito bom gosto. Quando foi preso, numa tarde de chuva, relembrava a música que transcrevemos aqui quando falávamos de Antonio Elias de França, “Serenata da Chuva”; Josemá, calmo e tranquilo, sempre esperando notícias por intermédio da noiva Joana Dar´c, que todos os dias ia visitá-lo; Ginani, muito descontraído, sempre fazendo exercícios físicos, já que cuidava muito do corpo; Geniberto, sempre alegre, e mais alegre ficava quando seus familiares vinham visitá-lo. Depois ficava triste por alguns instantes logo que as visitas iam embora; Evlin Medeiros sempre discutindo leis e códigos, já que estava para se formar em Direito quando foi preso.

Essa era a turma dos acadêmicos, de um modo geral, descontraídos e certos de que aquela situação não demoraria muito e para isto confiava, como todos nós no povo brasileiro, que jogaria fora os grilhões a que estava submetido.

Embora já formado, mas que dado à faixa etária, estava sempre com os “meninos” acima citados, uma figura que marcou época, foi Eurico Reis, pernambucano, mas com sangue potiguar, já que seus pais eram mossoroenses. Inteligente, estudioso das teorias marxistas, Eurico ria muito da ignorância dos nossos “guardiões” e fazia zombarias inesquecíveis. Certo dia, o nosso Eurico conseguiu sua transferência para Recife, onde morava a família e os episódios advindos de sua ida para a cidade do Natal, transformando-se em verdadeira epopeia, tudo dando certo, graças a Deus. Eurico cantava e representava peças teatrais como se fosse um verdadeiro profissional. Sua saída deixou saudade em todo o grupo, mas ficamos satisfeitos por ter ido para junto dos seus, o que certamente deixo-o menos angustiado durante o resto do tempo em que passou preso.

^ Subir

< Voltar

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055 84 3211.5428 e 9977.8702 WhatsApp
Skype:direitoshumanos Email: enviardados@gmail.com Facebook: DHnetDh
Google
Notícias de Direitos Humanos
Loja DHnet
DHnet 18 anos - 1995-2013
Linha do Tempo
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Sistema Nacional de Direitos Humanos
Sistemas Estaduais de Direitos Humanos
Sistemas Municipais de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
MNDH
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Banco de Dados  Base de Dados Direitos Humanos
Tecido Cultural Ponto de Cultura Rio Grande do Norte
1935 Multimídia Memória Histórica Potiguar
Comitês de Educação em Direitos Humanos Estaduais