Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Banco de Dados
 MNDH Brasil
 ONGs Direitos Humanos
 ABC Militantes DH
 Rede Mercosul
 Rede Brasil DH
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Mundo Comissões
 Brasil Nunca Mais
 Brasil Comissões
 Estados Comissões
 Comitês Verdade BR
 Comitê Verdade RN
 Rede Lusófona
 Rede Cabo Verde
 Rede Guiné-Bissau
 Rede Moçambique

   

  Os representantes dos Conselhos Estaduais de Direitos Humanos dos Estados de Alagoas, Minas Gerais. Amazonas, Mato Grosso, Pará, Paraíba e Rio Grande do Norte, reunidos no II Encontro Nacional dos Conselhos Estaduais de Direitos Humanos¸ em João Pessoa/PB, nos dias 11 e 12.07.2002, formularam a seguinte

 

“CARTA DE JOÃO PESSOA”

 

I – Os Conselhos Estaduais de Direitos Humanos, como instrumento de Democracia Participativa, devem ter composição no mínimo paritária, possuir estrutura própria e independência funcional e financeira em relação aos poderes e instituições do Estado.

II – É indispelnsável que os Conselhos contém com recursos específicos destinados no orçamento do Estado e disciplina legal quanto à obrigatoriedade dos repasses em calendário prévio.

III – Os Conselhos devem desenvolver instrumentos de atuação coordenada e comunicação entre si, respeitadas as peculiaridades locais.

IV –Reconhecem a necessidade de constituir sistemas nacional, regional e estadual de promoção e defesa de Direitos Humanos.

V – Os Conselhos devem priorizar a articulação e o apoio das entidades que o integram, com vistas à atuação própria, a denúncia e as propostas de correção a quem couber. A atuação casuística deve ser seletiva e excepcional.

VI – A municipalização das ações de promoção e defesa de Direitos Humanos deve ser cuidada como prioridade.

VII – As Conferências Nacionais de Direitos Humanos devem ser precedidas de Conferências Estaduais e Municipais.

VIII – É fundamental para a promoção e a defesa dos Direitos Humanos a elaboração de Planos Estalduais e Municipais, com vistas a identificar demandas e definir prioridades de curto, médio e longo prazos.

IX – Reconhecem a importância das Relatorias Temáticas e das Consultorias e Comissões Especializadas como instrumentos de atuação.

X – Representará avanço significativo nos instrumentos de promoção e defesa dos Direitos Humanos a criação de Secretaria de Estado de Direitos Humanos nas unidades da Federação.

XI – Fica constituído o “FORUM NACIONAL DE CONSELHOS ESTADUAIS DE DIREITOS HUMANOS”, como espaço nacional de articulação e atuação.  

João Pessoa(PB), 12 julho de 2002

     

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055 84 3211.5428 e 9977.8702 WhatsApp
Skype:direitoshumanos Email: enviardados@gmail.com Facebook: DHnetDh
Google
Notícias de Direitos Humanos
Loja DHnet
DHnet 18 anos - 1995-2013
Linha do Tempo
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Sistema Nacional de Direitos Humanos
Sistemas Estaduais de Direitos Humanos
Sistemas Municipais de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
MNDH
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Banco de Dados  Base de Dados Direitos Humanos
Tecido Cultural Ponto de Cultura Rio Grande do Norte
1935 Multimídia Memória Histórica Potiguar