Apresentação
 Trajetória de Vida
 Escritos & Reflexões
 Atuação Jurídica
 ABC Vítimas da Ditadura
 Matérias na Mídia
 Correspondências
 Processos
 Arquivos Multimedia
 Galeria Virtual
 Acervo Mércia
 Direitos Humanos
 Desejos Humanos
 Educação EDH
 Cibercidadania
 Memória Histórica
 Arte e Cultura
 Central de Denúncias
 Rede Brasil
 Redes Estaduais
 Rede Estadual RN
 Rede Lusófona
 Rede Mercosul
Escritos

Aradin, 

Ó filho que amo, as coisas mais importantes da minha vida apesar de seres menino, não entenderes a dor, és a minha bonança, no turbilhão da minha vida que tem sido uma guerra sem trégua. Você Aradin, é importante em tudo que faço, me dá tranquilidade e coragem e sem você eu não tinha condição de lutar pela liberdade dos outros porque não poderia avaliar a ligação de uma mãe com o filho, e você me deu a dimensão desse amor atual.

Aonde vais? A mesma pergunta dos sábados.

Vou às cadeias e hospitais, a mesma resposta.

Beijo-lhe a testa e saio para as visitas.

Hei de amá-lo até a nossa separação, que virá independente da nossa vontade.

Octávio é o inspirador de tudo que tenho feito, de elogiável.

Estamos unidos na mesma luta, agora, amor e luta, amanhã amor e paz.

Octávio,

Quando nos encontramos eu só; só tu eras descrença, eu abandono.

Então juntos e sós, rompemos a solidão. Eu fui tu, tu fostes eu; nós somos amor, nos somos um só.

Desde 1995 © www.dhnet.org.br Copyleft - Telefones: 055-84-3221-5932 / 3211-5428 - Skype: direitoshumanos - dhnet@dhnet.org.br
Google
Notícias de Direitos Humanos
História dos Direitos Humanos no Brasil - Projeto DHnet
Militantes Brasileiros de Direitos Humanos
MNDH
Projeto Brasil Nunca Mais
Direito a Memória e a Verdade
Comitês de Educação em Direitos Humanos Estaduais
Rede Brasil de Direitos Humanos
Redes Estaduais de Direitos Humanos
Rede Estadual de Direitos Humanos Rio Grande do Norte
Sistemas Internacionais de Direitos Humanos
Rede Lusófona de Direitos Humanos